Posso retirar minha importação direto no porto?

Uma dúvida bastante comum no processo de importação da China, principalmente de quem está começando, é sobre quem deve retirar a importação no porto ou aeroporto? É o próprio importador que vai lá retirar?

Aqui na China Gate recebemos diversas perguntas deste tipo em nossas lives, vídeos e posts. Esta pode ser a sua também. E por isso elaboramos este artigo para retirar de uma vez por todas esse questionamento e te ajudar a levar sua mercadoria para sua empresa de maneira correta e segura.

Antes de mais nada, é preciso dizer que sim, você pode retirar a sua carga no porto ou aeroporto quando ela chegar, desde que este local permita que o importador retire pessoalmente. Mas, mesmo sendo permitido, não é nenhum pouco recomendável que você faça isso e vamos te explicar tudo neste artigo.

Saiba como retirar sua importação do porto de maneira correta

Minha mercadoria chegou. E agora?

Após o transporte de sua carga da China (ou de qualquer outro país) para o Brasil, ela será entregue em um porto ou aeroporto. Nós aqui na China Gate trabalhamos mais com os portos, mas o transporte de sua importação pode ser aérea também.

Após a chegada de seus produtos, o primeiro passo a ser feito é o desembaraço aduaneiro, que é todo processo burocrático para a nacionalização da mercadoria.

Este passo, é feito por um despachante aduaneiro credenciado, onde ele envia todas as informações de sua importação para a Receita Federal para a liberação dos produtos.

Após a liberação, deverá ser emitida a nota fiscal de sua importação e, somente após isso, sua mercadoria estará liberada para ser retirada. Todo este processo leva, em média, 20-30 dias para ser feito.

Este passo é de extrema importância, uma vez que uma informação errada pode fazer com o que o importador pague multa e tenha atrasos na entrega. Portanto, conte sempre com profissionais nesta etapa.

O Brasil tem um processo bem burocrático para importação e todos os passos devem ser seguidos de maneira correta para evitar complicações e dores de cabeça.

Quem deve retirar a minha importação no porto?

Primeiramente, é importante saber que a retirada não acontece diretamente no porto e sim em um terminal ou armazém alfandegário próximo a ele.

E como foi dito acima, você importador, pode ir lá pessoalmente e retirar sua mercadoria dependendo o porto que você escolheu como destino de sua mercadoria.

Alguns portos não permitem esta entrega direta. Por isso se informe com o seu porto de destino para saber se você pode ir ou não. Sendo permitido, você pode retirar sua mercadoria.

Entretanto, mesmo sendo autorizado a entrega direta, estes locais não estão preparados para receber o importador diretamente. A logística é, geralmente, feita para atender empresas e caminhões para retirar a carga.

Do mesmo modo, é necessário prezar pela sua segurança e de sua mercadoria. Nestes locais podem existir pessoas má intencionadas quem podem, por exemplo, roubar toda sua mercadoria após você sair de lá. Nós já recebemos inúmeros relatos deste tipo, infelizmente.

Um outro ponto, é o tamanho de sua carga e o seu próprio deslocamento até o local. Se a sua importação tiver um volume considerável ou você morar longe do porto de entrega, não faz sentido você ir retirar a carga com meios próprios, concorda?

Por isso, não é recomendável em nenhuma importação que o importador retire pessoalmente sua carga no porto ou aeroporto.

Recomenda-se que se contrate uma transportadora especializada para retirar sua carga de lá e levar com segurança até a porta de sua empresa.

Porém, se mesmo assim, você preferir ir retirar sua carga, será necessário fazer um cadastro para ser autorizado a entrar no local onde está seus produtos.

Você vai precisar se cadastrar como motorista, cadastrar seu veículo (mesmo que seja um veículo leve), agendar horário, tempo de espera, entre outras burocracias que variam de local para local.

Transportadora: a melhor opção

Percebe que não é nenhum pouco vantajoso você importador ir diretamente retirar sua carga?

Por isso, é altamente recomendável que você contrate uma transportadora especializada para fazer esse transporte.

Estes profissionais já estão acostumados com o dia a dia do terminal, já estão cadastrados nas bases e sabem as rotas de segurança para evitar roubos e furtos, por exemplo.

Repare o destaque no “especializada”, pois na hora que você contratar este serviço, deverá informar que é uma coleta dedicada. Por que?

A transportadora pode entender que é uma coleta comum e não é. Como dissemos o processo é um pouco burocrático e demanda tempo, então o caminhão da coleta deverá esperar um tempo no local, por exemplo.

O importador deve considerar também se a transportadora contratada tem um seguro para a carga. Em casos negativos, é de extrema importância, contratar um seguro para o transporte desta carga em território nacional para evitar possível avarias e perdas.

É importante que o importador também não deixe para contratar este frete após a liberação da carga pela Receita. É necessário já adiantar este processo antes do desembaraço aduaneiro terminar.

Como dissemos, o processo pode demorar, em média 30 dias e você, neste tempo já deverá ter o seu transporte decidido, para evitar mais atrasos. Contrate sua transportadora e agende o frete antes da liberação.

E o container? O que fazer com ele após a entrega?

Após descobrir quem deve retirar a sua importação do porto, dependendo o tamanho de sua carga, poderá surgir uma outra dúvida: o que fazer com o container que trouxe as mercadorias?

Na verdade, o importador só terá este problema se ele trouxer um container fechado para ele. Em casos de container compartilhado e cargas pequenas, não existirá esta situação.

Esse ponto é importante, até na hora de contratar seu frete, pois se for um container inteiro, você deverá contratar um frete com uma carreta porta container (os populares bugs). Caso sua carga seja pequena, um caminhão baú resolverá o problema e o container nem sairá do terminal.

Pois bem, se for o seu caso, você já deverá combinar com a transportadora a devolução do container no terminal onde ela pegou. O container não fica com o importador! Você terá sim, que devolver ele, sob pena de pagar multas.

Não quer se preocupar com a retirada de sua carga?

Contrate nossos serviços e não tenha essa preocupação. A China Gate é uma empresa especialista em importação da China com experiência de mais de 20 anos.

Com os nossos serviços você fica despreocupado com a burocracia de sua importação e pode focar nas suas vendas! Gostou? Caso queira conhecer nossos serviços, clique aqui.

Conheça também o nosso material gratuito O Guia Definitivo de Importação Empresarial da China onde mostramos o passo a passo para realizar sua importação da melhor maneira possível. Faça o download agora mesmo clicando aqui.

Gustavo Batilani

Gustavo Batilani

Nascido em Maringá, casado e com mais de 06 anos de experiência em gestão de pessoas e supervisão de processos administrativos. Cursou Bacharelado em Informática e, atualmente, faz formação em copywriting e redação.
Gustavo Batilani

Gustavo Batilani

Nascido em Maringá, casado e com mais de 06 anos de experiência em gestão de pessoas e supervisão de processos administrativos. Cursou Bacharelado em Informática e, atualmente, faz formação em copywriting e redação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Postagens Recentes

Blog
Gustavo Batilani

Os atacados vão acabar?

Se você é varejista ou vendedor (seller) já deve ter percebido que a grande maioria dos fornecedores estão revendendo o produto diretamente para o cliente

LER ARTIGO >>