Como fazer Importação da China com Pouco Dinheiro?

Tempo de leitura: 8 minutos

Se você acredita que só os grandes empresários conseguem fazer importação da China e ganhar dinheiro, você está enganado. Talvez isso fosse verdade no passado. Entretanto, no presente, já existem algumas ferramentas de importação que permitem a importadores de pequeno e grande porte participarem do comércio exterior.

Quer conhecer alguns detalhes para começar a importar de pequeno porte?

Vem comigo.

Importação e Mercado: Entenda a relação

Caro importador, o que define a quantidade de dinheiro que você precisa investir em importação, para ter sucesso, depende de algumas variáveis básicas. Elas são:

  1. o ramo de atuação,
  2. o produto e
  3. os concorrentes no mercado

O grande x da questão aqui é chegar a um valor lucrativo de revenda do produto, já que não existe um limite de importação de mercadorias. Na prática, é possível importar da China qualquer quantidade de produtos. Por isso, o que você deve se perguntar é se esse volume se encaixa em um cenário de mercado que permite com que você tenha bons rendimentos e crescimento.

Dessa forma, o que estou querendo dizer é que o mercado acaba por determinar o preço de venda do produto. Então, você precisa se perguntar se consegue competir com quem faz parte do seu mercado de atuação.

Importação da China e o Concorrente no Brasil. O que eles têm a ver?

Vamos de exemplo? Imagine que você vai importar aqueles pequenos cestos de lixo para cozinha. Nesse ramo, você tem um concorrente de grande porte, que importa da China uma quantidade incrível desse item.

Nesse cenário, se você for um importador de pequeno porte já temos uma dificuldade. O concorrente faz importação de muitos produtos, com um custo menor por item. Lembre-se que quanto maior é sua importação, menor o custo por unidade. Por isso, a empresa dele consegue praticar uma margem de lucro menor por unidade, entretanto, vende um número alto em quantidade de cestinhas de lixo.

Esse cenário seria desvantajoso para o importador de pequeno porte, já que ele teria um custo maior por unidade na importação. Além disso, precisaria de uma margem de lucro maior na venda de cada item, para compensar os custos com importação e outros que incidem sobre a venda. Ou seja, enquanto o concorrente vende x, o importador precisa vender por 2x. Na guerra de preços, essa é uma situação insustentável para um pequeno empresário.

Saiba como fugir da guerra de preços com o vídeo abaixo.

Então, se você tem pouca grana para fazer a importação da China, sua primeira tarefa é saber se seus concorrentes importam grandes quantidades e, com isso, saber se eles operam com margem de lucro pequena, mas com giro alto de vendas ou vice-versa. Assim, se o concorrente pratica uma margem de lucro alta, você pode até ter uma chance. Entretanto, sua entrada no mercado pode fazer com que o concorrente faça uma readequação de preços, tornando-os mais competitivos.

Para ter uma boa noção de como você pode solidificar sua atuação, é preciso conhecer o produto e saber o como o público se relacionaria com ele.

Devo solicitar uma amostra do produto?

No Brasil, existe a figura da amostra grátis. Quando o comerciante oferece uma experimentação do produto para o cliente, seja no ramo atacadista ou varejista. Todavia, em se tratando de importação, o cenário é um pouco diferente.

Ou seja, você pode solicitar uma amostra junto ao fabricante chinês, entretanto ela não é grátis. Além disso, você vai precisar arcar com os custos de importação de um pequeno volume para conhecer o produto. E, por ser uma importação de pequeno porte, o custo de importação da amostra é bem caro.

Entretanto, se você precisa ver, testar e saber se o produto atende as especificações que você precisa, peça uma amostra. Esse é um fator importante principalmente se você busca por um produto de qualidade. Só pegando e vendo de perto é que vai poder chegar a uma análise correta.

Gostou do produto? Qual o próximo passo?

imagem mostra caixas empilhadas em cima de um carrinho. Em uma das caixas é possível ler o texto "made in china", que significa feito na china, em tradução livre.

A importância do lote teste na Importação da China

O Lote teste é uma ferramenta boa para quem tem pouca grana para importar. Com ele, você é capaz de testar o sentimento do mercado em relação ao produto. O lote teste é bem menor do que aquela importação na qual você aproveitaria todo o potencial de investimento. Ou seja, depende do tipo de produto, você importa um número reduzido de unidades.

Então, você pode ir coletando e compreendendo a respostas dos cliente em relação ao produto. Por isso, tente vender o produto para aqueles clientes que fazem parte do nicho de público que deseja atingir. Vá atrás deles e peça o feedback. OK?

Depois dos resultados, há duas possibilidades. Ou o produto caiu no gosto do cliente ou não. Se caiu, o próximo passo é fazer a importação da China investindo todo o potencial financeiro disponível. Se a clientela não aderiu ao produto, então é necessário estudar melhor o mercado e buscar um produto que se adeque melhor às necessidades e demandas dos consumidores.

Nesse segundo caso, o importador pode argumentar que importou o lote teste a toa. Na verdade, o lote teste serve exatamente para evitar que você tenha perdas mais significativas. E se você fizesse uma importação, utilizando todo o capital disponível e, não conseguisse realizar uma venda dessa mercadoria? Seu prejuízo seria enorme, principalmente, se tem pouca grana para investir. Dessa forma, é preciso planejar a aplicação de cada centavo.

Estou pronto para realizar a Importação da China. E agora?

Tenha em mente que a quantidade ideal para realizar uma importação da China mesmo com pouco dinheiro deve ser o suficiente para girar seu negócio entre 4 e 6 meses. Sabendo disso, a forma correta de iniciar a importação propriamente dita é fazendo uma planilha de custos detalhada.

Nesse ponto, é fundamental destacar de novo a importância do preço do produto, do preço de venda dos concorrentes e do ramo de atuação. No texto, já abordamos os fatores preço de produto e monitoramento da concorrência. Agora, vamos encaixar o ramo de atuação na cenário da concorrência e da escolha do produto?

Vamos lá!

Quais os Cenários Possíveis?

Para fazer importação da China, o primeiro cenário é verificar o pedido mínimo com o fornecedor chinês. Vamos dizer que é US$ 3 mil. Você tem US$ 7 mil para investir em importação de capas para celulares. Dessa forma, o conselho é usar o dinheiro para trazer o máximo de mercadoria possível, reduzindo assim o custo por unidade do produto.

Além disso, como já mencionei anteriormente nesse texto, você deve se perguntar se compensa importar os produtos, tendo como base os preços praticados pelo mercado. Ou seja, se você importar US$ 7 mil em capas de celulares, vai conseguir vender a um preço competitivo aqui no Brasil? Essa é a pergunta chave.

Se conseguir vender pelo o dobro ou triplo do valor de custo, importe agora. Se não, talvez seja melhor optar por outro produto. Ou adquirir os produtos por aqui mesmo.

Vamos dizer que você não tem o valor do pedido mínimo para investir em acessórios para celular. Entretanto, é possível fazer importação de películas para celular. O legal é continuar dentro do ramo de atuação, aproveitando uma clientela que você já tem disponível.

Por outro lado, se você estiver mais aberto a explorar outros mercados, as opções para fazer importação da China com pouco dinheiro crescem e muito. Apenas tome cuidado ao fazer escolhas motivadas apenas pelo dinheiro. Ou seja, busque trabalhar com algo pelo qual você tenha algum afeto, ok?

Nesse link, você pode conferir uma série de produtos para fazer importação da China e ganhar muito dinheiro.

Qual formato de importação é mais adequado para quem tem pouco dinheiro para investir?

Conhece a Importação Digital?

O Importação Digital é um serviço criado para você que quer começar a fazer importação da China. Nele você tem acesso ao nosso container compartilhado, pagando um preço fixo por metro cúbico utilizado.

Dessa forma, você faz um investimento de US$ 247* por metro cúbico utilizado, sendo que essa metragem é espaço mínimo que precisa ser contratado. Nós ainda, cuidamos de todo o desembaraço aduaneiro da sua carga.

O time da China Gate cuida de todo o processo burocrático. Ou seja, cuidamos dos custos de importação e dos procedimentos burocráticos de importação na aduana brasileira. Por isso, o fornecedor só terá o trabalho de realizar a busca, a negociação e o pagamento junto os fornecedores chineses.

E não para por aí. Na Importação Digital você ainda ganha uma série de bônus. Entre eles, a habilitação do Radar e Siscomex e 10 planos de negócios com as melhores oportunidades de investimento para seu dinheiro.

Para conhecer mais detalhes do Importação Digital, toque no botão abaixo.

*Valor praticado em 6 Abril de 2021