Entre para nossa lista vip e receba

CONTEÚDOS EXCLUSIVOS!

    junho 4, 2015

    0 Comentários

    Neste vídeo comento sobre os efeitos da alta do dólar nas importações.

    Naturalmente é de se esperar uma redução no nível de importação de produtos, pois com o dólar mais alto, os custos de importação também, sobe.

    Curiosamente, isso gera OPORTUNIDADES para alguns ramos, vejamos.

    Imagine que um varejista vende produtos importados em sua loja e atualmente compra esses produtos de importadoras. Com a alta do dólar as importadoras vão vender mais caro para o varejista que por sua vez vai aumentar o preço para o consumidor final.

    Dependendo da elasticidade da demanda, o produto vai diminuir a quantidade de vendas com base no aumento do preço. Não sei dizer quanto, mas geralmente diminui.

    Temos aqui um cenário negativo, de queda nas vendas e consequente queda nos lucros, pois mesmo repassando todo o aumento de custo para o cliente final, vende-se menos itens e tem-se menos lucro. Considere que as vezes nem dá pra repassar todo o aumento de custo para o cliente final.

    Bem, o que quero dizer aqui é que surge uma oportunidade para o varejista aumentar sua margem importando diretamente da China.

    Não é para qualquer varejista, tem que ter um mínimo de musculatura em seus negócios, mas para muitos, é totalmente possível.

    Então essa pode se a melhor hora para entrar em campo e começar a importar, afim de garantir as margens de lucros e até aumentá-las.

    Sobre o Autor

    Rodrigo Giraldelli

    Rodrigo Giraldelli é fundador da China Gate, empresa de educação e consultoria focada em ajudar pessoas a importar da China para o Brasil através das suas empresas.

    {"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
    >