8 Dicas para Fazer Importação da China

Tempo de leitura: 8 minutos

A China é um país que tem tudo quanto é tipo de produto para vender e aos montes. A produção em larga escala e as características do mercado de trabalho por lá fazem com que o preço dos produtos sejam muito atrativos. Por isso, realizar a importação da China pode ser muito vantajoso para empresários de outros países, inclusive do Brasil.

Se você é desses empresários que quer fazer importação com segurança e, além disso, aumentar o lucros da sua empresa, veio ao lugar certo! Nesse artigo, irei dar 10 dicas para que você possa fazer a importação com sucesso.

Siga-me os bons!

Faça uma boa simulação de Custos

Partindo do pressuposto de que você já tenha decidido qual produto importar da China, o primeiro passo é fazer uma boa simulação de custos. Ela vai apontar se a importação é viável ou não. Além disso, vai dizer se o preço de revenda do produto vai dar o lucro que você tanta deseja.

Os custos de importação podem ser separados em quatro blocos. São eles:

  1. Custos com o Produto
  2. Custo do frete
  3. Custo com Impostos
  4. Despesas no porto Brasileiro

Vamos passear por cada um deles?

Faça uma Pesquisa Cuidadosa de Produtos e Fornecedores

Um fator importante aqui é a segurança. Há duas maneiras de negociar com os fornecedores. Uma delas é presencialmente, indo a China. A segunda, através de plataformas como o Alibaba.

Indo a China, você pode conferir de perto as condições de produção do fabricante, pode conhecer a estrutura dele e, negociar frente a frente. Esses fatores podem lhe passar confiança ou descrença imediata na capacidade do fornecedor. Quero dizer, você vai conseguir avaliar e decidir quase que instantemente se a parceria vale a pena ou não.

Por sua vez, na negociação a distância a situação é bem diferente. Assim como em todos os lugares do mundo, há pessoas má intencionadas também na China. Essas pessoas podem tentar tirar vantagem de você nas plataformas de negociação. Então, como evitar armadilhas, Dilvo?

A resposta é pedir um inspeção ou auditoria junto ao fornecedor. Isso pode ser feito através do próprio Alibaba, caso a carga pequena. O pagamento da inspeção pode ser feita dentro da própria plataforma.

Por outro lado, contrate a inspeção de um empresa especializada se sua importação for de médio ou grande porte. Mas deve ser muito mais caro, não?

Se a mercadoria custar US$ 1 mil e a inspeção for US$ 200, sem dúvida é um valor alto. Aí você tem que analisar os prós e os contras. Entretanto, se sua carga soma US$ 150 mil e a vistoria, os mesmos US$ 200, não há por que titubear! Faça a inspeção.

Quer saber tudo sobre inspeção? Manda ver no vídeo abaixo!

Entenda o valor do frete de importação da China

Primeiramente, o Preço do frete depende da modalidade de importação. Se você optar pelo frente aéreo, há a possibilidades de Importação Cargo e a Importação Simplificada. Quais as diferenças?

Basicamente, a aéreo cargo é uma importação formal. Ou seja, você vai precisar de despachante aduaneiro e de radar siscomex. Além disso, nesse tipo de importação você pode trazer qualquer produto, desde que a carga caiba no avião.

Já, na Importação Simplificada, o valor da carga, mais o frete e o seguro não podem ultrapassar US$ 3 mil. Você não precisa contratar despachante aduaneiro, nem habilitar o radar siscomex. Na importação simplificada, o frete é uma das bases para cálculo dos impostos pagos, já que nessa modalidade de importação há um taxa fixa de impostos.

Por outro lado, na importação marítima o custo do frete depende do peso e da cubagem da carga. No container FCL, o custo do frete é fixo, independente de qual produto você vai lotar o container. Na verdade, você não precisa nem lotar o container. Talvez pagar o frete do container inteiro, mas usar metade dele, já seja mais lucrativo do que apostar em outra modalidade de importação. Isso, principalmente se o produto for volumoso.

Além disso, na importação marítima temos o container compartilhado. Onde você paga por metro cúbico utilizado, sendo que o mínimo é 1 metro cúbico. O custo desse espaço é de 247 dólares. Ou seja, você multiplica esse valor, pela quantidade de metros cúbicos utilizados.

Entendeu, importador?

Saiba quais são os impostos cobrados na importação da China

Na simulação de custos, você vai precisar calcular os impostos que incidem sobre os produtos de importação da China. Ao todo são cinco tributos.

  1. Imposto de Importação (II)
  2. Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)
  3. Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins)
  4. Programa de Integração Social (PIS) e
  5. Imposto sobre a Circulação de Serviços e Mercadorias (ICMS)

A penas o II é um imposto de importação propriamente dito. E, assim como o Pis, o Cofins, e Pis, o II é pago ao governo federal. Por sua vez, o ICMS é devido ao estado de destino da carga.

Então, por exemplo, a matriz da sua empresa fica em São Paulo, mas a carga vai seguir para uma filial em Minas Gerais, o ICMS deve ser pago paras os mineiros.

Se informe sobre as Despesas Fixas

Dependendo da modalidade do frete contratado, você vai precisar pagar algumas despesas. Ao todo, elas são 20. Mas, nem todas elas vão incidir sobre sua importação. As mais conhecidas são licenças e homologação de produtos por agências reguladores brasileiras, emissão de documentos, despachante aduaneiro, etc.

Uma maneira mais fácil de entender as despesas fixas é por eliminação. Então elas são tudo aquilo que não é o custo do produto, não é o frete, não é o seguro e não são os impostos.

Quer saber mais sobre os custos fixos, veja o vídeo abaixo.

Verifique os Documentos de Importação

Essa é uma dica que você precisa deixar anotada em algum lugar acessível. Você não pode de maneira alguma esquecer disso. Então, anote ai em letras garrafais na sua geladeira ou no seu guarda-roupas “SEMPRE VERIFICAR OS DOCUMENTOS DE IMPORTAÇÃO”.

Digo isso pelo fato que deixar de conferir detalhadamente os documentos é um dos maiores erros que os importadores cometem. E, com o Brasil é um país muito burocrático para importar, com um fiscalização rigorosa, a falta de informação pode dar problema.

O principal documento de importação é a Commercial Invoice, que vai originar a Declaração de Importação. Este, por sua vez, deve ser entregue à Receita Federal pelo Despachante Aduaneiro. Dessa forma, uma ausência de informação pode acarretar em multa e em atrasos. Dependendo da situação, o importador pode até perder toda a mercadoria.

Por isso, faça sempre um check list minucioso de todos os papeis.

Contrate um frete do terminal até sua Empresa

Na maior parte das modalidades de importação é preciso contratar um frete do porto ou aeroporto até o endereço do importador. Apenas na Importação Simplificada o empresário tem a disposição o serviço door to door. Mas, o que é isso, Dilvo?

É assim. A importação simplificada é feita por empresas aéreas de carga. Vamos dizer que você contrata então a DHL ou a FEDEX. Eles vão retirar o produto na ponta do fornecedor Chinês e levar ao aeroporto. Lá vão embarcar sua carga no avião deles. No Brasil, após passar por todos os trâmites burocráticos, a DHL ou FEDEX vai sair com sua carga do porto e levar até o endereço que você informou.

Preciso lembrar que a importação simplificada é aconselhável para quem quer importar mercadorias de até US$ 3 mil dólares, sendo que os produtos devem ser de alto valor agregado.

Mas, e se o importador quiser fazer uma importação da China de pequeno porte, com produtos de baixo valor agregado?

A dica é o Importação Digital.

Como Funciona a Importação Digital da China?

A grande sacada do Importação Digital (ID) é fazer com que você não fique refém das altas taxas cobradas pela armazenagem da carga nos portos brasileiros.

Com um valor de 247 dólares por metro cúbico utilizado no container, você ainda tem incluído no serviço o custo do despachante aduaneiro. Uma outra vantagem bacana é que todo serviço burocrático fica por conta da equipe da China Gate. Ou seja, o importador vai ficar responsável apenas pela busca, contato e pagamento do fornecedor.

Ah, preciso ressaltar que você precisa importar no mínimo um metro cúbico, ok?

Quer saber mais sobre o Importação Digital, toque no botão abaixo e conheça todas as vantagens do ID.

Bora Importar?