Entenda como funciona a garantia dos produtos chineses

Tempo de leitura: 6 minutos

Os brasileiros, geralmente, tem aquele pensamento clichê quando se fala em produto chinês, “sé é da China, não tem qualidade nem garantia”. Mas será mesmo? Escrevi esse artigo para que você definitivamente entenda como funciona a garantia dos produtos chineses.

garantia dos produtos chineses 1

Qualidade dos produtos chineses

Atualmente os produtos oriundos da China tem de todo tipo de qualidade. Existem muitos produtos ruins, porém existem outros com qualidade inquestionável, principalmente quando se fala em tecnologia e eletrônicos. E não se engane, porque essa variação de qualidade e de preço não é apenas para produtos caros, ela vai desde Iphones até produtos mais baratos ou pequenos.

Você pode encontrar produtos não tão caros e com boa qualidade. Mas terá que selecionar bem seus fornecedores. E ainda assim, dificilmente achará. Uma das “regras”, digamos, da China é a de que qualidade tem a ver com o preço. Alta qualidade = preço alto. Baixa qualidade = preço baixo.

É importante conhecer bem o tipo de cliente que se quer vender os produtos no Brasil, Existem mercado para todos os tipos de produtos, de produtos com qualidade mais alta e produtos com qualidade mais baixa. Produtos mais sofisticados e mais caros e também produtos mais baratos, mais populares, mais simples.

Não sei se você já reparou que existem produtos iguais, da mesma marca, muitas vezes com preço absurdamente diferentes, em várias empresas ou fábricas? Ou até mesmo nas lojas da sua cidade? O que acontece é que os produtos podem ser iguais ou parecidos e com a mesma função, mas possuir qualidades distintas.

Na China Qualidade é igual a Preço

Isso funciona da seguinte maneira: Tomemos como exemplo um simples carregador de celular para Iphone, comparando um produtos mais caro com um mais barato. Por fora são bem parecidos, ou até mesmo iguais, mas o que muda são alguns componentes de dentro, entre esses componentes existe o “chip”. E esse chip está entre os componentes que faz com que o carregador seja bom, ou seja, funcione adequadamente, demore a quebrar ou queimar, não fique superaquecido, demore menos para completar a carga do celular, etc.

garantia dos produtos chineses 4

Dentre uma das viagens que fiz para lá eu descobri que esse chip pode ser encontrado e comprado de cinco modelos e qualidades diferentes. E o preço desses carregadores pode ter uma diferença enorme comparando-os entre si. Tudo depende da qualidade utilizada pela fábrica. Com isso você consegue comprar o mesmo carregador, que por fora seja bem parecido ou igual, mas com qualidade e também preços, muitos diferentes.

Agora, o que a gente precisa entender é que não é porque o produto (muitas vezes original) veio da China que ele é ruim ou não funciona. A qualidade da mercadoria depende de vários fatores e não só do seu país de origem. Assim como no Brasil existem produtos bons e ruins, assim também é na China e todos os outros países do mundo. Acredito que a China evoluiu muito, principalmente na tecnologia de componentes eletrônicos.

Se você deseja obter mais informações sobre a qualidade dos produtos da China, clique aqui. Neste artigo eu te explico como surgiu a má fama dos produtos importados diretamente da China.

Bom, agora que você já sabe um pouco mais sobre a qualidade dos produtos chineses, vamos ao que interessa:

A garantia dos produtos chineses

Em relação à garantia dos produtos importados da China, geralmente quando são mercadorias eletrônicas, as fabricas tem indicadores de defeitos, não é uma garantia em si, mas ajuda muito os importadores a não terem prejuízos com os produtos.

E para que serve esses indicadores de defeitos?

Eu vou te explicar. É a partir desses indicadores que são enviados produtos a mais do que foi pedido, na sua carga. As fabricas fazem isso como forma de garantia, caso algum produto dê defeito, poderá ser substituído pelo o produto que veio a mais.

Um exemplo é uma fábrica de GPS para carros. Quando fomos para a China comprar os aparelhos, o índice de defeitos era 1,5%, ou seja, a cada mil peças compradas daquele modelo, a fábrica enviava junto com a carga mais 15 aparelhos daquele lote. E não cobrava nada a mais por isso.

Isso acontece porque o custo de enviar o produto de volta para a China, concertar e reenviar para o Brasil acaba sendo alto.

Mas são todas as empresas que fazem isso? Todas, eu não sei. Mas a maioria das fábricas de produtos eletrônicos faz.

Daí você pode estar se perguntando: mas a garantia, é responsabilidade de quem mesmo?

Olha, mesmo algumas fábricas fazendo esse tipo de serviço, trabalhando com indicadores de defeitos, enviando produtos a mais, tenho que avisar que a garantia do produto é sempre por conta do importador. Sim, se você importar algum produto da China você será o responsável pelo o mesmo.

Se por acaso, um produto der algum tipo de problema e a fábrica não enviou produtos a mais, você terá que arcar com as despesas do concerto ou da troca. Mas não se assuste, pois se a importação for bem planejada e feita corretamente, com os fornecedores de qualidade, o risco de prejuízo é bem pequeno.

garantia dos produtos chineses 3

Porém, é sempre bom saber de quem e como você está importando. E a China Gate está aqui para ajudar você, por meio da consultoria. Entre em contato com a gente.

Resumindo tudo o que foi dito…

O mito de que todos os produtos da China não tem qualidade é falso. Tudo depende de quem você compra e quanto você paga. E assim como em qualquer outro país, na China você encontra produtos ruins e produtos bons. Existem várias qualidades e defeitos e você pode escolher o produto que mais se encaixa com a sua importação, com os seus clientes ou público-alvo, o que eles procuram ou desejam pagar pela mercadoria.

Em relação à garantia da carga e dos produtos, a responsabilidade será sempre do importador. Porém, algumas fábricas, principalmente de eletrônicos, trabalham com índice de defeitos e por isso, normalmente, mandam produtos do mesmo lote a mais na carga, para você e outros importadores não correrem risco de ter prejuízos.

Se você quer saber mais sobre importação empresarial, se inscreva no nosso novo curso gratuito e online de quadro aulas: http://bit.ly/curso-cic

Aproveita e se inscreva também no nosso canal do YouTube clicando aqui.