Como estão as importações da China

Tempo de leitura: 6 minutos

Fala, importador!

– Oi Rodrigo, como estão as importações da China?

Essa pergunta é quase que um ” – Oi, tudo bem?” na minha vida!

As pessoas sempre me questionam muito isso!

Obviamente, por conta do Coronavírus e o fato de a origem da doença ser lá na Terra do Dragão.

Eu, enquanto empresa que auxilia pessoas a importarem da China para o Brasil, sou suspeito para falar, embora eu sempre jogue muito limpo com todos vocês por aqui!

Mas, contra fatos não há argumentos.

Dados recente da Alfândega Chinesa mostraram que o volume de exportações da China para o mundo está indo “muito bem, obrigado”.

Há dois meses consecutivos, a China vem aumentando o seu volume de exportações.

Em setembro cresceu 9,9%, o que representa mais de US$239 mi. Número 0,05% maior que no mês de agosto.  

Se por um lado, foi na China que a Coronavírus nasceu e ganhou o mundo, também foi a China que se reestabeleceu primeiro diante dele. E, graças as exportações.

É a China que fornece os equipamentos de proteção e médicos ao resto do mundo no combate a Pandemia.

Enquanto outros países trabalham em capacidade reduzida por conta do isolamento social e outras medidas de prevenção a proliferação do vírus chinês, a China já está a todo vapor trabalhando e exportando para o mundo inteiro.

Um momento que já estamos vivendo aqui no Brasil e os demais países no mundo também, o de retomada.

Em meio a tudo isso você deve estar se perguntando como o Brasil está neste cenário.

Temos uma boa e importante fatia das exportações da China, graças a nossa boa relação comercial Brasil – China.

Dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços reforçam a que mesmo em meio a uma Pandemia, seguimos fortes com a relação comercial Brasil – China.

Entre janeiro e junho deste ano, foram mais de US$ 16 bilhões em itens importados da China.

Este número representa 23,2% de todas as importações feitas no período. Um primeiro semestre muito bem sucedido.

Vale ressaltar aqui também, somente a nível de curiosidade, o quanto nós, brasileiros mandamos para lá.

A China é o principal país de destino das nossas exportações.

Nos seis primeiros do ano, exportamos um total de US$ 34,4 bilhões para o país asiático, em especial, soja, óleos brutos de petróleo e minérios de ferro e seus concentrados.

Então, quando me perguntam como estão a importações da China e eu respondo “Muito bem!”, acredite! 😉

Agora que você já sabe como estão as importações da China, veja uma lista com os 5 produtos/segmentos mais importados de lá para cá, de acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços

1 – Equipamentos de telecomunicações – peças e acessórios também!

No topo do ranking no Top 5 das importações da China para o Brasil estão os equipamentos de telecomunicações.

A categoria representa 12% das importações chinesas para o Brasil e só este ano – mesmo com a Pandemias! – já movimentou mais de US$ 1 bi de dólares.

Vale ressaltar que a China é responsável pela maior parte da produção desses itens em todo o mundo todo e ficamos com uma fatia considerável dela.

2 – Plataformas, embarcações e outras estruturas flutuantes

Por essa eu acredito que você não esperava!

O segundo lugar dessa lista, com 11% das exportações chinesas para o Brasil, estão as plataformas, embarcações e outras estruturas flutuantes.

Até aqui, já foram mais de US$ 1 bilhão investidos neste segmento.

3 – Válvulas e tubos termiônicas, de cátodo frio e ou foto-cátodo, diodos e transitores  

Com os componentes utilizados em diversos equipamentos eletrônicos, como as válvulas e tubos termiônicas, temos 6,5 % de participação.

Estes itens ocupam o terceiro lugar na lista de produtos que o Brasil mais importa da China. Em money isso significa um US$ 1 bilhão em 2020.

4 – Outros produtos da Indústria de Transformação

Inúmeros produtos manufaturatos integram essa lista e os posicionam na quarta posição no ranking.

Este ano a categoria já movimentou US$ 805 milhões. A quantia representa uma fatia de 4,8% no total de importações vindas da China.

5 – Compostos organo-inorgânicos, heterocíclicos, ácidos nucléicos e seus sais, e sulfonamidas

Com uma movimentação de quase US$800 milhões de dólares em 2020, esta categoria representa 4,8% das importações de origem chinesa.

Os números são bons, atraentes e inspiradores, não é mesmo? E esta lista vai muito mais longe.  Tem ela completinha no site do Ministério.

Essa lista NÃO significa, necessariamente, que estes são os melhores produtos para importar da China para o Brasil.

Nossa resposta para esta pergunta constante por aqui também é que o melhor produto para importar da China para o Brasil e ganhar dinheiro é aquele que você sabe vender.

Acredito muito que trabalhar com o que se gosta já é meio caminho andado para o sucesso.

Sei que tem muita gente que ganha dinheiro com o que não gosta, mas, se puder conciliar é bacana, não é?

Ideologias a parte, há alguns outros produtos que estamos importando da China com frequência.

Vou compartilhar algumas sugestões de produtos, de diferentes segmentos para que vocês tenham uma ideia do quanto é diverso. Dá uma olhada:

  • Malas e Mochilas;
  • Brindes;
  • Material para Artesanato;
  • Utilidades Domésticas
  • Artigos de Decoração
  • Peças de Máquinas de Costura
  • Tapete
  • Torneiras
  • Bonecas Reborn
  • Lâmpadas de Led
  • Cadeiras de Escritório
  • Bebê Conforto
  • Auto e Motopeças
  • Flores Artificiais
  • Papel de Parede
  • Artigos Pet
  • Máquina de Sorvete
  • Aspirador de Pó

São muitos os produtos e nichos que podem ser lucrativos para revenda aqui no Brasil.

É preciso estudar bem cada um deles, de acordo com as suas especificações para importação, custos e tempo.

O Brasil é 135º país mais burocrático do Mundo quando se trará de comércio exterior.

Em todos os nosso conteúdos, seja no Blog, nas redes sociais o em nossos cursos deixamos bem claro o tamanho da oportunidade de fazer bons negócios e também do desafio a ser encarado.

Fique atento para as próximas oportunidades e se inscreva em um dos nossos cursos.

Eles podem te ajudar, dentre outras coisas, a saber buscar pelo produto ideal para você importar da China ainda em 2020.

Então, se você veio aqui saber como estão as importações da China para o Brasil, repito: estão muito bem!

E, se você quer entrar para o seleto grupo de 1% dos empresários brasileiros que importam da China e ganham dinheiro com isso, comenta aqui o que te impede, quais as suas maiores dificuldades e vamos conversar.