Passo 4: Pedir amostras da China

Tempo de leitura: 4 minutos

Agora que você já passou pelos três primeiros passos, a próxima etapa é pedir amostras para verificar a qualidade do produto. Dependendo do seu fornecedor, isso já terá sido conversado entre vocês. Se você não sabe o que seria essa amostra, o próprio nome já diz, é um produto, que pode ser enviado para você, como exemplo do que será produzido ou enviado na importação.

Além de ser algo legal, já você terá em mãos a amostra do seu produto final, será útil. Assim você consegue fazer testes, analisar o design, o funcionamento, etc.

A análise da amostra vai te dar segurança antes da sua importação.

Não se deixe levar apenas por foto, não analisar as amostras poderá te trazer prejuízos, caso o produto não saia como desejado. Esse é um passo importante e muito necessário para que o seu projeto de importação não tenha problemas. A partir das amostras você consegue analisar a qualidade dos produtos que você deseja importar e verificar se é aquilo mesmo que você pensou ou pediu para o fornecedor.

Quanto custará pedir amostras?  

Depois de escolher o fornecedor, converse com ele a respeito das amostras.  Alguns fornecedores mandam as amostras antes, sem te cobrar a mais por isso. Mas isso não quer dizer que você trará as amostras para o Brasil totalmente de graça.

Quando o produto chega no Brasil, terá que pagar os impostos para a Receita. Se o valor do produto for maior que 50 dólares, você pagará 60% de impostos, em cima do valor do produto + o valor do frete.

Em algumas importações, pedir amostras não é possível ou viável para alguns produtos. Nesses casos, viajar para a China talvez seja a melhor maneira. Essa viagem custará de 3 a 4 mil dólares e pode compensar, dependo do valor do seu projeto de importação.

Ou então, você pode contratar um inspetor especializado para inspecionar e analisar a amostra e a carga para você. Mas falarei mais sobre as inspeções na China nos próximos passos.

Qualidade

Apesar da má fama, existem produtos chineses muito bons, assim como existem os ruins. Por isso a importação das amostras e a inspeção são tão importantes. A qualidade dos produtos dependerá muito do fornecedor que você escolher. A China tem sim mercadorias com qualidades, tanto em funcionamento quanto em design.

amostra de produtos

Um ponto que faz com que o produto perca a qualidade é buscar sempre os produtos mais baratos. Nós temos sempre essa mania de buscar pelo preço e não pela qualidade ou beleza dos produtos. Muitas pessoas fazem isso também no Paraguai.

O valor pode influenciar na qualidade do que você está comprando. Não que isso seja uma regra, existem produtos bons e baratos. Mas a maioria das mercadorias que são muito baratas tem uma qualidade questionável. Claro, isso não significa que você tenha que apenas importar produtos caros, até porque, isso depende do seu público. O que seu público deseja comprar.

Tempo

Assim, como a sua carga de importação, a amostra terá que fazer uma longa viagem da China até o Brasil. Existem duas formas de transporte o marítimo e aéreo. Não dá para dizer qual é o melhor, pois isso dependerá muito do tipo de importação que você está fazendo.

O que eu posso dizer é que o frete do transporte aéreo é muito alto e na maioria dos casos, não compensa. E também existem algumas restrições dentro do voo. Mas, analise seu negócio e veja qual é a melhor opção para você.

Porém, além do tempo de viagem, você deve considerar o tempo de transporte entre fornecedor e entrega no terminal do porto ou aeroporto; a movimentação e espera no terminal; a viagem (as pessoas pecam por só considerarem esse tempo); o tempo de descarga; a espera no terminal até a carga ser disponibilizada; às documentações e papeladas e pagamentos dos impostos; e por fim, o trajeto do terminal, até a sua empresa.

Falando em números, obviamente pelo ar a sua amostra chegará mais rápido. Mas por navio ela irá viajar durante 45 dias, em média. Porém, se você optar pelo transporte aéreo, a sua amostra viajará por sete dias, mais ou menos.

Veja o vídeo que gravei sobre esse assunto! Caso prefira ver direto no youtube, clique aqui!

Agora que você já sabe como funciona pedir amostras o próximo passo é entender como faz para tirar o Radar Siscomex. Clique aqui para entender como habilitar sua empresa no Radar Siscomex!

Para baixar o ebook “Guia Definitivo de Importação Empresarial da China”, clique aqui!