Importar da China: como negociar preços com fornecedores?

Tempo de leitura: 4 minutos

Importar da China como negociar preços com fornecedoresCada vez mais empresas brasileiras importam seus produtos das fábricas da China, devido ao fato de os custos para essas operações serem bem menores. Porém, muitos empreendedores ainda têm dúvidas na hora de negociar os preços com os fornecedores e conseguir melhores negócios.

Você faz parte dessa parcela de empresários? Então, vamos ajudá-lo a negociar. Confira:

Não envie uma lista de produtos

Um erro bem comum de quem começa a importar da China é enviar uma lista de produtos para cotação dos fornecedores e esperar resposta com todos os preços e detalhes de cada item. Dessa forma, uma das principais diferenças culturais é o fato de que na China não há uma tabela de preços pronta, visto que cada orçamento é feito individualmente e as fábricas não contam com estoque.

Enviar uma lista de produtos para o fornecedor pode gerar grandes problemas, como a demora no tempo da resposta. Além do mais, é provável que os bons fornecedores nem respondam. Quando se manda uma lista de produtos, a dificuldade de comparar os preços é maior, visto que se torna muito mais complexo comparar cotações, taxas, entre outros.

Além disso, aumenta-se o número de itens discordantes, as chances de receber mercadorias feitas por terceiros (apesar de ser algo problemático, ainda é muito comum na China), e também itens falsos. E o empresário ainda pode correr riscos de ser vítima de esquemas ilícitos, porque as fábricas grandes geralmente não entram em contato com quem manda esse tipo de orçamento.

Tenha conhecimento sobre a falta de estrutura das empresas chinesas

Outro ponto importante no que diz respeito às fábricas da China é que elas não contam com uma boa estrutura para departamentos comerciais e outros. Ou seja, não têm vendedores profissionais e funcionários especializados. Só para ter uma ideia, não são todos que falam inglês e muitas não têm nem seus próprios endereços de e-mail.

Tal motivo da falta de estrutura é o fato da China ter tido esse desenvolvimento massivo em menos de 20 anos. Dessa maneira, muitos empreendedores ainda vivem e trabalham em suas regiões, sem nunca nem terem tido uma experiência no exterior.

Saiba negociar o preço com chineses

Uma dica fundamental para os brasileiros que desejam importar da China é enviar cotações com somente um produto. Dessa forma, dá para reduzir vários problemas de organização e comunicação, além de diminuir riscos, tempo gasto nessas operações, seleção de fornecedores e frustrações em geral. Anote algumas dicas:

  • Quando for escolher o produto, prefira aquele que representa melhor o grupo de itens que você almeja importar da China, diminuindo as dúvidas e aumentando o tempo para o fornecedor dar a resposta.
  • Tenha bastante clareza na hora de especificar o único produto o qual enviará o orçamento. De preferência, envie uma foto que exemplifique exatamente o que está procurando.
  • Se possível, não faça tantas perguntas e espere até que a maioria das empresas mande as dúvidas, ou preços. Isso serve para evitar contato com fornecedores falsos porque a sua identificação será bem mais fácil.
  • Com todas as cotações em mãos, é hora de comparar os valores. Faça uma boa verificação na internet sobre as informações e dados de cada fornecedor e escolha as três melhores alternativas.
  • Peça uma auditoria da fábrica por meio da empresa de inspeção. Assim, você terá confiança sobre a seriedade dos fornecedores.
  • Após selecionar os três fornecedores principais, mande a lista completa dos itens que almeja importar. Não hesite em fazer perguntas necessárias para tirar todas as dúvidas antes de escolher o fornecedor.

Negociar o preço com fornecedores chineses não é uma tarefa fácil. No entanto, seguindo essas dicas, conhecendo mais sobre a cultura e tradição das empresas de lá, e com um bom planejamento nas mãos, é possível aumentar as chances de se obter sucesso. E se você ainda não estiver seguro sobre a negociação, que tal utilizar os serviços de uma trading company e simplificar seu processo de importação? Lembre-se de que não existe sorte nos negócios, mas boa visão e análise.

Gostou das dicas? Se ainda assim você quer ajuda para negociar com chineses, nós podemos cuidar disso pra você. Para isso basta que você clique aqui e preencha este formulário solicitando um atendimento que entraremos em contato com você! 

Você já negociou com fornecedores chineses? Compartilhe sua experiência conosco!