Importação de Cosméticos

Tempo de leitura: 2 minutos

Você já pensou em importar produtos do ramo de cosméticos? Essa dica é para você que trabalha nesta área, revendendo e você quer expandir seus negócios, criando uma linha de marca própria.
Rodrigo não está falando de produtos de marcas famosas, pois compensa apenas para os representantes oficiais, detentores da marca que tem direito sobre ela. Para quem não tem, não compensa. Este ramo é interessante para você que deseja manipular seus próprios cosméticos, da sua marca.

Essa é uma boa oportunidade para você que quer manipular seus próprios cosméticos. Vai depender do tipo de produto que você quer se a quantidade e o preço vai dar viabilidade ao seu projeto de importação. Para isso é preciso fazer uma pesquisa, uma análise de custos.

Há também quem queira importar só as embalagens, o que também tem bastante na China e pode ser personalizada. Há diversos modelos e você terá a possibilidade de criar o seu modelo e com a sua marca, do jeito que você preferir e num custo interessante.

Por ser um produto que tem contato com a pele, precisa ter certificado da Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária – é uma forma de evitar que você compre um produto que causa alguma irritação, algum problema. Essa verificação, você precisa mandar uma receita dos componentes do cosmético, que será analisado. É necessário também que um lote fique guardado para se houver algum problema você tenha amostras desse lote que foi verificado.

Para realizar esse projeto você pode viajar para a China ou verificar tudo aqui do Brasil, a segunda opção leva mais tempo, mas ambas são possíveis, depende do seu investimento e da sua pressa. O valor que Rodrigo recomenda para você investir neste ramo seria de 10, 15 e 20 mil dólares para cima. Para que assim você entre forte, menos que isso Rodrigo não recomenda. Caso você não tenha esse dinheiro, a solução é encontrar um investidor. Se sua ideia for viável, certamente você encontrará alguém que queira investir nela. Boas ideias todo mundo tem, mas ser viável é outro ponto.

Para saber se seu projeto de importação é viável, fale com o China Gate que nós podemos te ajudar! Clique aqui e preencha este formulário que entraremos em contato com você!

I