Importação de Bijouterias

Tempo de leitura: 4 minutos

A importação de bijouterias tem se revelado uma grande oportunidade tanto para novos negócios quanto para diversificação de negócios já existentes.

Algumas pessoas tem o perfil de investidor, ou seja, tem um capital financeiro disponível para empreender e decide pelas importações. Sempre é difícil escolher o ramo de atividade. Eu geralmente olho para o tipo de negócio que tem uma boa margem de lucro e, é claro, que tenha uma certa vocação ou afinidade com o tema.

Estamos falando de bijouterias certo? Então Se você não suporta a ideia de trabalhar com grande variedade de produtos, ou artigos de moda, definitivamente essa oportunidade não é para você. Por outro lado, se você se sente confortável em uma loja de bijouterias e acessórios femininos, se consegue se enxergar montando e administrando uma loja destas, então continue lendo.

Você conhece a PinkBiju? Essa empresa é focada no segmento de bijouterias e acessórios femininos. Foi fundada em 2005 e já tem 230 lojas. Até 2016 eles vão ter 1500 lojas. Será que isso nos convence de que o mercado está aquecido nessa área? E veja que não tem só a PinkBiju no ramo. Tem também a Baloné (do grupo Ornatus) isso só para falar de franquias. Tenho certeza que você conhece alguma loja desse tipo de produto no seu bairro ou cidade. Pense nisso! Será que tem mercado para você montar uma loja dessas? Se estiver saturado em uma região, pode-se pesquisar outra.

LogoPINKBIJUBorboleta logo-balone

Talvez sua habilidade não é varejo, pois o varejo apesar de entregar boas margens de lucro, geralmente tem algo custo fixo com aluguel e folha de pagamento. Talvez você esteja lendo até aqui mas não está confortável com a ideia de montar uma loja, ou uma rede de lojas, ou uma franquia de lojas de bijouterias e acessórios femininos. Entendi!

Que tal então em pensar em uma DISTRIBUIDORA de acessórios. Aí muda a figura. As distribuidoras geralmente tem custo fixo menor, pois não precisam de pontos caros em regiões de grande movimento, mas a forma de trabalhar é igualmente desafiadora. As distribuidoras tem a função de vender produtos para as lojas. A margem é menor que a do varejo (as vezes), mas o giro de vendas é muito mais alto. Isso porque a distribuidora tem a chance de alcançar regiões geográficas maiores. É comum uma distribuidora vender para todas as regiões do Brasil.

Não quero passar a ideia de que é fácil. Não tem negócio fácil de se fazer e ganhar dinheiro. O que existe é muito trabalho e dedicação. O desafio maior em uma distribuidora é forma a equipe de vendas. Pensando em uma distribuidora de bijouterias e acessórios femininos, qual seria e melhor forma de alcançar os clientes? Veja algumas opções de canais de vendas:

  • Televendas
  • Representantes Comerciais
  • Vendedores próprios
  • Internet
  • Catálogos
  • Loja Atacadista

Talvez a resposta seja um conjunto desses fatores. Se me permite a sugestão, eu tentaria Televendas e Internet se tivesse tempo e paciência para conquistar os clientes. Se tivesse mais pressa em ver o resultado acontecer e capital de giro para bancar as despesas, vendedores e representantes fariam as vendas acontecerem mais rapidamente.

Veja alguns exemplos de produtos que estou falando quando cito o ramo de Bijouterias:

  1. Anéis
  2. Brincos
  3. Broches
  4. Colares
  5. Pulseiras
  6. Bolsas e carteiras
  7. Lenços
  8. Artigos para cabelos

Assim, essa oportunidade é para interessados em abrir uma loja ou distribuidora de bijouterias e acessórios que tenha ao menos 25 ou 30 mil dólares para comprar de produtos na China. Isso para compensar a viagem de ida.

Mas preciso ir para a China para aproveitar a oportunidade? Sim, neste caso sim. Explico:

É impossível transferir para um terceiro (nossos funcionários na China) o tato, o feeling, a experiência que o empresário tem na compra de produtos. São milhares de itens para se escolher. Então a escolha do produto é um ponto crítico, muito importante para o negócio dar certo. Existem produtos de todos os preços. Pode-se comprar um colar de 1 dólares ou de 10 dólares. E qual é o melhor? Os dois, mas depende do público alvo que se quer atingir.

Espero que você tenha gostado dessa oportunidade. Para saber mais sobre ir para a China clique aqui para ver nossa solução completa.

Links citados no texto:

Se você ficou triste porque não tem grana suficiente ainda para aproveitar essa oportunidade, se anime, estou pensando em um jeito de resolver isso. Clique aqui e saiba mais.