Cálculo de impostos de importação

Tempo de leitura: 1 minuto

Os impostos de importação com certeza são a parte mais complicada para se calcular o custo final. A legislação brasileira sobre tributos é bem extensa e muda com frequência.

Calcular tributos de importação não é tarefa para amadores, então não se arrisque. Existem muitas planilhas por aí que podem te induzir ao erro. Especialmente por conta de não calcularem o ICMS na importação. Esse imposto geralmente é o mais alto e claro que não deve ser ignorado. O próprio simulador da receita não calcula o ICMS nas importações.

Obviamente estou falando de custo exato. Custo por aproximação sim, esse sim você poderá obter em qualquer planilha ou sistema, mas cuidado, se for tomar decisão de importação de alto valor, procure um profissional.

Recentemente o Sebrae lançou um aplicativo para tablets e smartphones sobre o tema, mas ainda não tive a oportunidade de testar para ver se é bom.

Segue abaixo uma planilha da própria Receita Federal sobre o cálculo da PIS e da Cofins na importação.

Planilha Cálculo Pis e Cofins Coana

Acesse aqui o site da RFB para ler a Norma de Execução da Coana.

Para ver as fórmulas de cálculo do Pis e Cofins na Importação, clique aqui.

Se ainda não viu o vídeo sobre Impostos de importação, veja abaixo.