Custos da importação: Saiba quais são os 7 principais

Tempo de leitura: 4 minutos

Eu sei que custos não é lá aquele assunto super legal de falar. Eu prefiro falar de lucrosMas para lucrar bem, tem que saber quanto custa, não é mesmo.
Por isso que quero te dizer aqui quais são os custos que se paga quando fazemos uma importação empresarial.
Assim você vai saber exatamente o que pode pagar e também o que não precisa pagar. Para que o custo de sua importação não saia nem um centavo a mais do que o programado.
Se preferir, eu tenho um vídeo que explica isso detalhadamente: Clique aqui para ver no youtube.
Ou continue lendo que vou escrever tudo aqui.
 custos

Custo 1: Impostos

Esse é o mais óbvio. Para importar legalmente temos que pagar impostos. Existe um único imposto que é exclusivo na importação, o chamado II, que como podemos deduzir, II significa Imposto de Importação.
Agora para importar, também temos que pagar PIS, Cofins, IPI e ICMS. Isso são impostos domésticos. Ou seja, paga tanto para fabricar os produtos no Brasil quanto também para importar. Para não haver concorrência desleal.
A maioria dos impostos ficam em torno de 40 a 60% em cima do valor dos produtos.
 

Custo 2: Produtos

Bem, esse é moleza também né? Se estamos importando produtos, temos que pagar por eles. Esse é o custo que vai para a mão do Chinês, dono da fábrica ou do atacado que está te vendendo as mercadorias.
 

Custo 3: Frete Internacional

Considerando que a carga está na China e temos que trazer ela para o Brasil, vamos pagar o frete desse transporte. O frete pode ser aéreo ou marítimo. No marítimo, um container grande, equivalente a uma carreta de produtos, custa uns 2500 dólares da China para o Brasil.
Já no frete aéreo, pode considerar de 8 a 10 dólares o quilo do produto, é bem caro.
 

Custo 4: Seguro da carga

Prometa pra mim que nunca vai fazer uma importação sem seguro?
Diga agora em voz alta: Eu prometo Rodrigo!
Obrigado por isso. Na verdade você prometeu pra si mesmo, pois eu não estou ai do lado.
O seguro da carga é barato, vai de 0,5% a 2% do valor da carga e é importantíssimo ter. Nós nunca fazemos importação sem seguro. Apesar do risco ser baixo, tudo que você não quer é perder seu dinheiro na importação não é mesmo?
 

Custo 5: Taxas de Porto ou Aeroporto

Aqui que o bicho pega. Para fazer uma formal, empresarial, gasta-se no mínimo uns 3 a 4 milreais com taxas.
São inspeções, uso do siscomex, licenciamentos, armazenagem e movimentação de cargas. É taxa pra caramba e é aqui que as importações de pequeno porte param. Pois muitas vezes essas taxas inviabilizam tudo.
 

Custo 6: Despachante aduaneiro

Para importar legalmente, acima de 3 mil dólares, tem que ter radar siscomex e despachante aduaneiro. Você não pode fazer o desembaraço da sua própria importação.
Apesar de não haver uma tabela, um despachante aduaneiro deve cobrar algo como uns 800 a 1500 reais para fazer uma importação. Tudo depende do volume e complexidade do serviço.
 

Custo 7: Frete doméstico

Quando sua carga for liberada, você vai precisar levar para sua empresa certo? Então tem que contratar uma transportadora do porto até sua empresa. Eu não tenho como estimar esse serviço aqui para você, pois vai depender do porto que chegou sua carga e de onde está sua empresa.
Mas para se ter ideia, para subir um container do porto de Santos para São Paulo, o valor é de uns 4 mil reais. Já de Paranaguá para Curitiba, fica algo como 2 mil reais.
 
Bem, isso é o que vai ter em todas suas importações. Mas não se engane. Dependendo o tipo de produto que você quer importar, pode ter mais custos.
É por isso que defendo importar somente produtos que tenham alta margem de lucro, para compensar de verdade. 
Se for para ganhar pouco, melhor comprar no Brasil. 
Vou citar mais dois aqui que são bem interessantes. É o tipo de custo que faz a gente economizar dinheiro.
 inspeção

Custos extras

Inspeções

Nas primeiras importações é muito comum inspecionar as fábricas antes de mandar dinheiro e antes de embarcar. Cada inspeção custa mais ou menos 290 dólares.

Trading Chinesa

Se você quer juntar cargas de vários fornecedores em um só container, faz muito sentido contratar uma tarding chinesa para fazer isso. Pois ela vai conferir toda a carga, inspecionar a qualidade, armazenar tudo e depois juntar no mesmo container e te mandar. Sai mais barato que importar tudo separado.
Uma trading chinesa cobra em média de 3 a 10% para fazer esse tipo de serviço, mas obviamente, depende muito do volume do projeto, ou seja, depende do número de itens, de fornecedores e do valor total da carga.
 
Lembre-se, o importador vive de lucro, que é a diferença entre o custo e o preço de venda. Sempre pense em formas de minimizar seus custos e aumentar seu lucro.
Se você curtiu esse conteúdo, aqui no blog você encontra ainda mais artigos relacionados a este tema e temos aqui no youtube uma série de vídeos sobre custos.

Clique aqui para ver mais vídeos sobre custos.